2017 | Grupo Dominus - -Todos os direitos reservados.

Esclarecendo de vez as dúvidas sobre coworking

June 14, 2018

 

Se você tem uma empresa pequena ou é um profissional independente, uma ótima opção é utilizar um Espaço de Coworking como seu escritório.

Normalmente você pode contratar um plano baseado em horas de utilização ou mesmo um plano fixo que se paga de forma mensal.

 

Lá você vai encontrar toda a estrutura convencional de um escritório, com uma boa localização, infraestrutura, mas com uma grande comunidade de profissionais de diversas áreas para trocar experiências e um custo muito menor à manutenção de ter seu escritório próprio.

 

Como surgiu?

 

A ideia de trabalho home office já é bem explorada nos Estados Unidos e está se espalhando para o resto do mundo, inclusive no nosso país.

 

Contudo, ainda restam muitas dúvidas sobre a prática, inclusive quanto a produtividade, com situações domésticas aparecendo a qualquer momento do dia, a família atrapalhando ou interrompendo muitas vezes durante o expediente, impossibilidade de receber fornecedores, clientes  e outros stakeholders com a estrutura e tranquilidade necessárias.

 

Foi com esse pensamento que americano Bred Neuberg, em 2005, teve a ideia de criar um ambiente colaborativo, onde todos os profissionais de todas as áreas e dos mais variados ramos pudessem compartilhar do mesmo espaço e lugar, e ter à disposição uma estrutura boa e funcional para desenvolver o trabalho.

 

Como funciona?

 

O coworking é uma metodologia de trabalho que leva em consideração o fato de que não utilizamos o espaço de um escritório o tempo todo. Então por que pagar por um escritório que fica mais ocioso que ocupado?

 

Bred Neuberg, pensava na otimização dos espaços de colaboração, alugando-os por hora, dia ou mês, sem que fosse necessário assinar contratos burocráticos de locação com imobiliárias e empreendimentos comerciais.

 

Ou seja, só se pagaria pelo tempo que usasse efetivamente a estrutura.

 

Não confunda coworking com espaço virtual

 

Coworking tem muito pouca relação com escritórios virtuais e outros tipos de condomínios empresariais.

 

Estes espaços, apesar de compartilharem a mesma estrutura, são ambientes projetados para que cada empresa funcione independente uma da outra.

 

Quais as reais vantagens em se contratar coworking?

Infraestrutura: empresas que estão iniciando agora tem uma ótima opção de pagar mais barato por uma ótima estrutura.

 

Flexibilidade: em um Coworking, você cria hábitos mais produtivos, estipula os horário de suas atividades de forma disciplinada e cria hábitos mais produtivos.

 

Networking: trabalhar em um local compartilhado com outras empresas de ramos e atividades diferentes, permite que haja contato com pessoas das mais diversas áreas, ampliando a sua rede de contatos.

 

Economia: espaços de Coworking normalmente são pagos por mês, muitas vezes em planos que se encaixam na demanda de cada profissional e cobrindo todos os custos da infraestrutura.

 

O baixo investimento e não depender de contratos e outras burocracias compensam o aluguel bem mais que o em espaço comercial convencional.

 

Quais as desvantagens?

 

Privacidade: mesmo que a interação entre as organizações seja uma vantagem, algumas pessoas podem se sentir incomodadas, podendo ,inclusive, perder a concentração nas suas atividades, pois em ambientes movimentados existe muita distração.

 

Espaço: outra desvantagem a levar em consideração é a falta de espaço para guardar pertences e outros materiais. Cada contratante possui um espaço delimitado, e não ter um lugar para guardar seus itens pode ser um problema. Quem opta por ter um espaço mais mais confortável e livre acaba ficando com o home office.

 

Horários fixos: Por várias empresas compartilharem o mesmo espaço,  os horários estipulados não podem ser ultrapassado, caso precise de mais tempo, ou prefira trabalhar em horários diferentes do horário convencional, os preços podem aumentar significamente.

 

Como contratar um coworking?

 

1-    Pesquise os espaços que estão disponíveis na sua região.

2-    Entre em contato e saiba dos valores e marque visitas para conhecer os locais;.

3-    Faça um teste por alguns dias. Muitos espaços oferecem um período de avaliação grátis.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Recentes